Grosses Bild

Inhalt

Informações sobre óleos essenciais

Os óleos essenciais gozam de grande popularidade entre os cosméticos comuns, bem como dentro dos chamados "cosméticos naturais". Por um lado, proporcionam realmente uma sensação agradável ao corpo, mente e espírito e têm também um efeito positivo no tratamento de certos problemas de pele. Mas porque eles também são usados para realçar a fragrância de produtos de cuidados com a pele normais, não é nenhuma surpresa que mais e mais óleos essenciais tenham se tornado um gatilho de alergia.

Pesquisas científicas mostraram que fragrâncias e perfumes estão entre os principais desencadeadores de alergias. Tanto assim que a legislação europeia e nacional classificou as fragrâncias dos óleos essenciais como alérgenos.

Isto reforça poderosamente a baixeza da afirmação de que "natural é sempre bom e sintético é sempre mau".

Para confundir completamente o consumidor, as empresas que trabalham com óleos essenciais entre seus ingredientes costumam escrever: "Sem fragrâncias sintéticas", como que para expressar ao consumidor que poderia haver uma diferença no risco alergênico entre as fragrâncias de óleos essenciais de origem natural ou as de origem sintética.

Este mesmo truque é também utilizado pelas empresas que utilizam conservantes químicos, tais como parabenos, sorbato de potássio ou benzoato de sódio, anunciando nestes casos que "só utilizam conservantes naturais". Os conservantes "naturais" são sempre conservantes químicos e sintéticos. Mas o adjetivo "natural" soa muito melhor e o usuário acaba balançando em um senso mais do que questionável de segurança.

Desde março de 2005, os regulamentos cosméticos identificaram as 26 fragrâncias alergênicas que podem ser encontradas em óleos essenciais e perfumes, que devem ser obrigatoriamente declaradas na embalagem do produto de beleza, desde que estes produtos permaneçam na pele a partir de uma concentração de 0,001% ou quando os produtos são aplicados na pele temporariamente para serem removidos um pouco mais tarde, a partir de 0,01%.

 

Estes 26 alergénios contidos em óleos essenciais estão listados como INCI:

Alpha-Isomethylionone
Anise Alcohol = Anisalkohol
Amyl Cinnamal = Amylzimtaldehyd
Amylcinnamyl Alcohol = Amylzimtalkohol
Benzyl Alcohol
Benzyl Benzoate
Benzyl Cinnamate = Benzylzimtsäureester
Benzyl Salicylate
Butylphenyl Methylpropiona = Lilial
Cinnamyl Alcohol = Zimtalkohol
Citral Isoeugenol
Citronellol
Coumarin
Eugenol
Evernia Prunastri Extract = Eichenmoosextrakt
Evernia Furfuracea Extract = Baummoosextrakt
Farnesol
Geraniol
Hexyl Cinnamal = Hexylzimtaldehyd
Hydroxycitronellal
Hydroxyisohexyl 3-Cyclohexene Carboxaldehyd = Lyral
Linalool
Limonene = d-Limonen
Methyl 2-Octynoate

Os legisladores tomaram essas medidas para proteger os consumidores dos riscos de alergias provenientes não só dos perfumes, mas também de outros produtos que contêm óleos essenciais. Em todos os produtos de cuidados da pele Dr. Baumann SkinIdent® , os óleos essenciais são completamente dispensados.

Os óleos essenciais só aparecem em nosso programa em uma série de produtos muito específicos e sempre relacionados ao fato de obter uma série de efeitos terapêuticos específicos no tratamento da pele. Nestes casos, os óleos essenciais são sempre rigorosamente declarados na embalagem de acordo com as normas. As concentrações de óleos essenciais nestes produtos foram estabelecidas procurando o melhor equilíbrio entre um tratamento eficaz e um risco alergénico mínimo.

O segundo perigo potencial dos óleos essenciais é a irritação da pele devido à toxicidade. Isto só ocorrerá se forem utilizadas concentrações elevadas. Isto afecta todos os óleos essenciais na mesma medida, mesmo aqueles que não contêm alergénios potentes (por exemplo, sândalo e manuka). Neste sentido, a legislação estabeleceu um limite de 20% de concentração, abaixo do qual não é provável que ocorram irritações. É por isso que todos os óleos essenciais da linha Dr. Baumann são oferecidos em uma solução com álcool abaixo de 20%, para evitar qualquer irritação em um tratamento. A dosagem também pode ser reduzida com precisão usando uma base de cremes, loções ou óleos em conjunto.

Os óleos essenciais da linha BIONOME SPA são oferecidos numa concentração de 100%, ou seja, não diluídos, devido às grandes quantidades utilizadas para cobrir todo o corpo. Se forem utilizados óleos essenciais puros, a legislação adverte para um terceiro perigo potencial: a possível manipulação do produto por crianças pequenas, no sentido de que elas podem ingeri-lo e sofrer as conseqüentes afeições. Por esta razão, é obrigatório, de acordo com a lei, que estas embalagens tenham um fecho seguro contra crianças, bem como uma descrição clara e visível do risco no produto.